Pular para conteúdo principal

Blog Johnson Controls

20 novas empresas de diversos setores, incluindo agricultura, energia renovável, hospitalar, serviços financeiros, serviços criativos, tecnologia, silvicultura e setor de construção juntam-se ao The Climate Pledge

53 empresas e outras em todo o mundo, representando quase todos os setores da economia, se comprometeram a zero emissões líquidas de carbono até 2040, […]

20 novas empresas de diversos setores, incluindo agricultura, energia renovável, hospitalar, serviços financeiros, serviços criativos, tecnologia, silvicultura e setor de construção juntam-se ao The Climate Pledge
Soluções para crise
23/03/2022 às 18:26
Compartilhar com WhatsApp Compartilhar com Facebook Compartilhar com Twitter

53 empresas e outras em todo o mundo, representando quase todos os setores da economia, se comprometeram a zero emissões líquidas de carbono até 2040, demonstrando o impacto global do The Climate Pledge

 

Amazon e a Global Optimism anunciaram hoje, que 20 novos signatários ao redor do mundo juntaram-se ao The Climate Pledge: ACCIONA, Colis Prive, Cranswick plc, Daabon, FREE NOW, Generation Investment Management, Green Britain Group, Hotelbeds, IBM, Iceland Foods, Interface, Johnson Controls, MiiR, Ørsted, Prosegur Cash, Prosegur Compañia de Seguridad, Slalom, S4Capital, UPM e Vanderlande.

Com o acréscimo destes novos signatários, 53 empresas de 18 setores e 12 países, se comprometeram a trabalhar em direção a zero emissões de carbono em seus negócios mundiais — agregando o potencial de reduzir significativamente as emissões corporativas de carbono. Cada organização está em um estágio diferente nesta jornada para emissões líquidas de carbono zero, mas todas as 53 signatárias estão comprometidas em alcançar o ambicioso objetivo do The Climate Pledge em atender o Acordo de Paris 10 anos antes.

Os signatários do The Climate Pledge concordam em:

  • Medir e informar regularmente as emissões de gases de efeito estufa.
  • Implementar estratégias de descarbonização alinhadas ao Acordo de Paris por meio de mudanças e inovações reais nos negócios, incluindo melhorias de eficiência, energia renovável, redução de materiais e outras estratégias de eliminação de emissões de carbono.
  • Neutralizar as emissões restantes com compensações adicionais, quantificáveis, reais, permanentes e socialmente benéficas para atingir zero emissões anuais de carbono até 2040 — uma década antes do objetivo para 2050 do Acordo de Paris.

Os 20 novos signatários representam diversos setores econômicos, desde energia, agricultura e serviços financeiros.

Cada empresa está implementando mudanças de alto impacto, baseadas na ciência, para ajudar a descarbonizar a cadeia de suprimentos, incluindo inovação em economia circular, lançamentos de soluções de energia limpa e mobilizando cadeias de suprimentos para alcançar líquido zero até 2040.

Enquanto os EUA dão um importante passo na luta contra a mudança climática voltando a fazer parte do Acordo de Paris nesta semana, estou empolgado para dar as boas-vindas às 20 novas empresas ao The Climate Pledge, que desejam caminhar ainda mais rápido“, disse Jeff Bezos, fundador e diretor executivo da Amazon. “A Amazon cofundou o The Climate Pledge em 2019 para incentivar empresas a alcançarem os objetivos do Acordo de Paris 10 anos antes do prazo, estamos vendo um impulso incrível por trás do compromisso com 53 empresas de 18 setores de 12 países que já aderiram. Juntos, podemos utilizar nossa escala coletiva para ajudar a descarbonizar a economia e preservar a Terra para futuras gerações“.

A Amazon e a Global Optimism dão as boas-vindas a estes novos signatários e agradecem por seus comprometimentos:

ACCIONA

A ACCIONA (ANA.MC) é uma líder global em soluções sustentáveis, desde energia renovável a estações de tratamento de água, sistemas de trânsito em massa, e outras infraestruturas sociais resilientes e de baixo carbono. A atenuação da mudança climática e seus efeitos estão no coração da lógica de negócios da empresa. A ACCIONA é a empresa de serviços públicos mais ecológica do mundo, operando apenas com energia renovável, e uma inovadora em todos os campos de infraestrutura sustentável. A ACCIONA tornou-se neutra em carbono em 2016, a primeira empresa nos setores de energia e infraestrutura a alcançar isso. Em sintonia com a mais recente ciência climática, a ACCIONA está comprometida em reduzir suas emissões diretas e de consumo de energia em 60% entre 2017 e 2030, como também uma redução de 47% em emissões de cadeia de suprimentos, consistente com o objetivo mais ambicioso do Acordo de Paris em limitar o aquecimento global em não mais que 1,5ºC em relação aos níveis pré-industriais. As metas de redução de emissões da ACCIONA foram certificadas pela iniciativa Metas Baseadas na Ciência (Science Based Targets initiative, SBTi).

Precisamos urgentemente que mais empresas se comprometam com caminhos regenerativos de crescimento de carbono líquido zero para evitar a ameaça da mudança climática catastrófica e irreversível“, afirmou José Manuel Entrecanales, presidente e diretor executivo da ACCIONA. “Espero que mais empresas se inscrevam no The Climate Pledge para mostrar à massa crítica das companhias que realmente precisamos mudar o comportamento de emissões de carbono“.

Podcast analisa créditos fiscais de HVAC incluídos na Lei de Redução da Inflação
Podcast analisa créditos fiscais de HVAC incluídos na Lei de Redução da Inflação
O vice-presidente de regulamentação, códigos e assuntos ambientais da Johnson Controls, Chris Forth, participou do podcast do ACHR News. Como líder global em edificações inteligentes, […]
17/11/2022 à19 11:30
Saiba tudo sobre a participação da Johnson Controls na Hospitalar 2022
Saiba tudo sobre a participação da Johnson Controls na Hospitalar 2022
A 27ª edição do evento que reúne as principais empresas do setor de saúde está chegando! Entre os dias 17 e 20 de maio, você […]
29/04/2022 à56 12:45
Joe Biden convida CEO da Johnson Controls para falar na Cúpula do Clima
Joe Biden convida CEO da Johnson Controls para falar na Cúpula do Clima
George Oliver abordará o papel das empresas dos EUA no apoio a políticas climáticas e na criação de empregos e crescimento econômico   A  Johnson […]
08/04/2022 à46 16:42
20 novas empresas de diversos setores, incluindo agricultura, energia renovável, hospitalar, serviços financeiros, serviços criativos, tecnologia, silvicultura e setor de construção juntam-se ao The Climate Pledge
20 novas empresas de diversos setores, incluindo agricultura, energia renovável, hospitalar, serviços financeiros, serviços criativos, tecnologia, silvicultura e setor de construção juntam-se ao The Climate Pledge
53 empresas e outras em todo o mundo, representando quase todos os setores da economia, se comprometeram a zero emissões líquidas de carbono até 2040, […]
23/03/2022 à15 18:26